Medicina dos Pobres

[Ouvir Durante]

Nós colocamos tudo em caixinhas
Rotuladas, com bordas quadradas e definidas.
Pensamos que assim construimos certezas firmes
E criamos caminhos sábios.

Mas na realidade, isso não passa de um cabresto
Que nos limita de enxergar o real tamanho do mundo,
O verdadeiro potencial de nossas vidas
E a possibilidade de cursar um caminho inédito.

Somos diferentes, mas agimos da mesma maneira!
Se somos individuais, mas criamos caminhos similares!
Por que temos esse medo de descobrir o novo?
De deixar velhas convicções e procurar a liberdade?

Rótulos só servem para nos manter sistemáticos
Com cercas em nossos cérebros e corações
Com fronteiras, das quais não temos passaporte
Derrube-as!

Por que todo este medo de errar? De cair?
O erro não passa de um recomeço!
Que traz consigo a experiência e a beleza de uma nova chance
Que amanhece todo dia as 06:00AM

A vida é muito maior que nossas certezas
O mundo é muito mais belo que nossas convicções
Por que lutamos para nos limitar
Em certezas que nós mesmos criamos e cobramos?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s