Felicidade

[Ouvir Durante]

Eles me disseram o que fazer,
Me deram um mapa e um manual de instruções.
Definiram o que me é certo e errado,
E me colocaram entre multidões.

Divididas em castas. Cada um em seu lugar.
Sem se atrever a pensar,
Sem o direito de questionar.
Cercas e mais cercas. Não se pode atravessar.

Um rótulo em minha fronte,
Um número em meu pulso direito.
Identificado, limitado, controlado
E ainda assim apaixonado

Pronto para viver o que me foi destinado.
Uma vida pré-escrita. Ato pré-moldado.
Com um roteiro onde sou o centro
Servindo o consenso. Que eu não assinei.

Fure meus olhos para não enxergar esta prisão.
Acorrente-me, me venda algo para assim então.
Ser feliz e completo como eu aprendi na televisão.
Prazer. Sou Cidadão Padrão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s